ATIVIDADE INDUSTRIAL CONTINUA EM RECUPERAÇÃO DE ACORDO COM A CNI

A Confederação Nacional da Indústria publicou a Sondagem Industrial referente ao mês de agosto. O relatório trouxe boas notícias vindas do setor. A atividade industrial voltou a patamares pré-crise. A diferença com o mês anterior foi que o crescimento da produção veio acompanhado do aumento no emprego. Tudo isso somado ao aumento de confiança dos empresários mostra que podemos ter um crescimento consistente nos próximos meses.

Segundo a CNI, o índice de evolução da produção permaneceu em um patamar acima de 50, indicando crescimento da atividade industrial. Ele registrou 58,7 pontos, apenas 0,7 pontos abaixo do mês anterior. O índice de número de empregados subiu para 53,8 pontos, o maior desde agosto de 2019, e muito superior ao de abril que foi de 38,2 pontos. Isso indica que as empresas seguem contratando. A utilização média da capacidade instalada registrou 71%, dois pontos acima do mesmo período do ano passado. Consequentemente, os estoques seguem em queda, o índice marcou 46,3 pontos mostrando que os estoques estão abaixo do planejado. .

Além disso, a confiança dos empresários mostrou-se maior com a recuperação da economia e o período de favorável de final de ano. A expectativa de aumento nas demandas e de compras de matérias-primas aumentaram para 63,1 pontos e 60,6 pontos, respectivamente. São os melhores números em 10 anos. Com o aquecimento da economia, os empresários estão pensando em investir para aumentar a competitividade, a intenção de investimento aumento para 55,3 pontos, acumulando alta de 18,6 pontos desde maio.